Interrupção de chamada - Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito

0

Procon-MG solicita depoimento de clientes que tiveram dor de cabeça com Jeep Renegade. Problema pode dar prejuízo acima de R$ 20 mil para o proprietário

Jeep Renegade Sport: SUV pode dar problema com câmbio AT6
Jeep Renegade Sport: SUV pode dar problema com câmbio AT6

Mais uma vez a Jeep se vê envolvida num imblógio com problemas mecânicos com seus carros no Brasil. O modelo dessa vez e o Jeep Renegade, que está sendo investigado pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), através do Procon-MG. E a falha é um grave defeito que pode causar muito prejuízo no bolso do consumidor!

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

O Procon-MG abriu o Procedimento Administrativo (PA) MPMG-0024.21.016837-3 para investigar a possível contaminação do câmbio automático do Jeep Renegade pelo fluido do radiador. O órgão está solicitando informações dos proprietários para ajudar na apuração do caso. A investigação se concentra nos veículos Jeep Renegade equipados com motor flex e câmbio AT6.

A falha em questão diz respeito ao trocador de calor, peça responsável por resfriar a transmissão automática enquanto ela trabalha. Em algumas situações o líquido de arrefecimento pode sofrer eletrólise e perder a capacidade de proteger a peça. Nesses casos, o óleo da transmissão é contaminado, condenado a caixa de marchas. O reparo pode facilmente ultrapassar R$ 20 mil.

A investigação junto ao MPMG é tocada pelo promotor de Justiça Fernando Ferreira Abreu. O órgão solicita o registro de casos com esse defeito de proprietários do veículo. Em busca no site Reclame Aqui, há várias reclamações dessa falha.

As informações devem ser enviadas por e-mail para [email protected] até o dia 20 de julho de 2023, contendo os seguintes dados: 1) ano/modelo do veículo; 2) se houve reparo feito pela concessionária dentro da garantia ou sem custos; 3) se houve recusa de reparo pela concessionária (informando a data); e se o reparo foi realizado em uma oficina diferente da concessionária (enviar notas fiscais e relatório).

Confira estes conteúdos que estão bombando:
DPVAT 2023: seguro obrigatório não será cobrado
Porsche 918 Spyder tem o IPVA 2023 mais caro do Brasil
BOATO: mensagem no WhatsApp engana sobre Taxa de Licenciamento

Ação na Justiça

Em novembro de 2022, O Ministério Público Federal (MPF) e o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) ajuizaram ação civil pública, com pedido de tutela de urgência, contra a FCA Fiat Chrysler Automóveis Brasil Ltda, a Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran) e a União para que sejam condenadas a realizar um recall do modelo Jeep Compass diesel e flex, fabricados a partir de 2018. Além disso, os órgãos querem multa de R$ 50 milhões e que a empresa seja obrigada a recomprar os carros com defeito.

No mesmo mês, a Jeep anunciou recall para os modelos Renegade, Compass e Commander, dos anos/modelo 2022 e 2023. A convocação foi realizada devido a um problema detectado na bomba de alta pressão de combustível, que pode resultar em risco de incêndio.