Hot Fiesta - BYD terá picape híbrida para concorrer com Hilux no Brasil

0

Marca chinesa vai vender picape híbrida no Brasil. Novo modelo da BYD promete muita tecnologia e mais de 1.200 km de autonomia

Thiago Ventura

A BYD, conhecida por sua proposta de carros eletrificados acessíveis e repletos de tecnologia, está se preparando para entrar no mercado de picapes médias no Brasil. A montadora chinesa vai vender no país, em 2024, uma nova picape híbrida para concorrer com Toyota Hilux, Ford Ranger, Volkswagen Amarok e Chevrolet S10, dentre outras.

A informação foi apurada pelo Hot Fiesta em entrevista exclusiva com Alexandre Baldy, conselheiro da marca no país, durante o lançamento do BYD Dolphin Plus. A notícia promete gerar grandes expectativas, especialmente entre aqueles que buscam opções mais tecnológicas e econômicas no segmento de picapes.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

A nova picape híbrida da BYD está atualmente em desenvolvimento na China. O veículo já foi flagrado em testes desde 2022. A previsão é de um lançamento global no final de 2023 ou início de 2024. É importante ressaltar que marcas chinesas e outras importadoras têm demonstrado agilidade no lançamento de produtos em novos mercados. Por exemplo, o Volvo EX30 chegou chegou ao Brasil poucos meses após seu lançamento global. Portanto, é razoável esperar que a picape eletrificada da BYD chegue ao Brasil em um prazo relativamente.

“A BYD vai lançar uma picape justamente para atender esse público, um público que tem essa aspiração para andar pela cidade ou propriedades no meio rural. Certamente o design dos nossos produtos e nossa tecnologia vão conquistar esse segmento”, afirma Baldy.

Picape híbrida da BYD está em fase final de testes e lançamento global é urgente
Picape híbrida da BYD está em fase final de testes e lançamento global é urgente

Em relação às características da picape, ainda não foram divulgados detalhes precisos, mas os flagras sugerem um design robusto, com frente alta, seguindo a linha de picapes como a Amarok. Quanto à motorização, a BYD planeja oferecer versões híbridas plug-in, que podem ser recarregadas na tomada, bem como versões 100% elétricas.

O conjunto mecânico e elétrico será semelhante ao do BYD Song Plus, já disponível no Brasil. Isso inclui um motor 1.5 Turbo a gasolina (ou flex), combinado com um ou dois motores elétricos e opções de tração 4×2 ou 4×4. Espera-se que a potência varie de 180 a 500 cavalos, proporcionando um desempenho robusto.

Projeção da nova Picape híbrida da BYD feita pelo site australiano Drive

Embora a picape BYD não seja movida a diesel, sua combinação de motores elétricos promete oferecer força e torque equivalentes ou superiores aos motores a diesel das picapes tradicionais. Além disso, espera-se que a economia de combustível seja um destaque, com autonomia superior a 1200 km, graças à eficiência dos motores elétricos.

O mercado de picapes no Brasil, dominado por marcas tradicionais como Hilux, S10, Ranger e Amarok, pode enfrentar uma disrupção significativa com a entrada da BYD e outras marcas chinesas, como a GWM, que também planeja lançar uma picape híbrida em 2024, a GWM Poer. Se as marcas tradicionais não evoluírem para oferecer opções mais ecológicas e tecnológicas, podem enfrentar concorrência acirrada!