5Gbet - Consumo da Montana 2024 vai humilhar Toro e Oroch

0

Inmetro vaza dados de consumo da Montana 2024. Picape tem motor 1.2 turbo de 133 cavalos e quatro versões e será mais eficiente que Oroch e Toro

Consumo da Montana 2024 é aprovado pelo Inmetro
Consumo da Montana 2024 é aprovado pelo Inmetro

A nova Chevrolet Montana 2024 está chegando: dia 8 de fevereiro é o lançamento oficial e você vai acompanhar tudo aqui, no 5Gbet. Contudo, antes mesmo da GM revelar todos os detalhes faltantes, o Inmetro acabou vazando informações sobre a picape. A edição 2023 da tabela veicular informa dados de veículos brasileiros, inclusive o consumo da nova Montana. E olha só: a picape manual turbinada apresenta marca de 13,6 km/l!

A Chevrolet já confirmou que a Montana 2024 será vendida em quatro versões: LS, LT, LTZ e Premier. As duas primeiras duas usam câmbio manual de 6 velocidades, enquanto as outras duas contam com uma transmissão automática de 6 posições. Todas com motor 1.2 turbo de até 133 cavalos. O destaque é para as manuais, já que a LTZ e Premier já tiveram informações e preço de pré-venda divulgados.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

De acordo com o Inmetro, tanto a versão LS quanto a LT da Montana terão consumo de 8,3 km/litro na cidade e 9,6 km/litro na estrada quando abastecidas com etanol. No entanto, ao utilizar gasolina, esses números aumentam para 12 km/litro e 13,6 km/litro, respectivamente. A tabela de etiquetagem veicular 2023 apontou 1,70 MJ/km como o critério final. Com base nisso, a picape será classificada como A no segmento de picapes compactas e B no geral, recebendo o selo CONPET de eficiência energética.

Confira estes conteúdos que estão bombando:
DPVAT 2023: seguro obrigatório não será cobrado
Porsche 918 Spyder tem o IPVA 2023 mais caro do Brasil
BOATO: mensagem no WhatsApp engana sobre Taxa de Licenciamento

Nos testes do Inmetro, as versões automáticas fazem 7,7 km/litro na cidade e 9,3 km/litro na estrada com etanol e 11,1 km/litro e 13,3 km/litro com gasolina. Essa diferença de consumo é suficiente para que as variantes automáticas tenham 1,81 MJ/km e recebam classificação B no segmento de picapes compactas e C no geral, não recebendo o selo CONPET de eficiência energética.

Ou seja, em relação ao consumo, a Montana vai largar na frente na frente da Toro, picape média-compacta mais vendida do Brasil. Nada mal, heim? E lembrando a que a novidade ainda encara Strada, Oroch e Maverick.

Aliás, considerando a categoria feita pelo Inmetro, a Montana é uma picape compacta e a Toro uma média. Porém, no mercado, vai ser birga para todo o lado. A título de comparação, enquanto a Montana tem 1,70 MJ/km , Oro